8 de jul de 2010

Classe: Amphibia

Os anfíbios são vertebrados do subfilo dos tetrapodes e foram os primeiros de seu filo a fazerem a transição da vida marinha para a terrestre, apesar de tal passagem não ser completa.
Em seus estágios iniciais possuem vida aquática e apresentam brânquias, durante o processo de metamorfose para fase adulta ganham patas e pulmões.
Possuem uma pele fina e permeável, são gnathostomatos, com dentilos localizados no céu da boca. Habitam regiões tropicais e de alta humidade, geralmente próximos a fontes d'água.



Principais características:
  • Possuem pele sem cobertura, escamas, pelos ou penas, e altamente permeável, perdendo água muito facilmente. Por tal motivo possuem glândulas produtoras de muco que umedecem a pele.

  • A pele é muito vascularizada auxiliando os pulmões na troca gasosa.

  • Nas espécies terrestres uma longa língua mucosa auxilia na captura de presas (em paralelo com o camaleão).

  • Possuem cloaca (bolsa onde terminam os sistemas excretor, digestório e reprodutor).

  • Em sua maioria são animais venenosos.
Os anfíbios dividem-se em 3 ordens:
  • Anura (anuros): Não possuem cauda, tem pernas traseiras bem desenvolvidas. Locomovem-se aos saltos, as pererecas possuem dedos adaptados pra aderir a superfícies inclinadas e verticais.Possuem glândulas produtoras de veneno, maioria, nos sapos. Existem glândulas paratireóides, através dos olhos. Fazem vocalização utilizando uma bolsa papal para atrair as fêmeas para a reprodução, e que também auxilia na entrada de ar para o pulmão. Ex: Sapos, rãs e pererecas.


  • Urodela (urodelos): Possuem pernas e cauda, com uma coluna vertebral longa e flexível. Movimentam-se pelo meio terrestre caminhando, com o movimento ondulante do corpo auxiliando o equilíbrio durante o movimento alternante das patas. Na água, o movimento ondulante do corpo os propele, como os peixes. Possuem fase larval aquática semelhante à terrestre, exceto pelas brânquias externas e pelas nadadeiras na cauda. Ex: Salamandras.

  • Gymnophiona ou Apoda: Apresentam corpo alongado e sem pernas. Com uma abertura dorsal. Possuem ao final do corpo, uma cauda curta. Ex: Cecília ou cobra-cega.


(Escrito por: Marcelo Mendes, José Eduardo e Gabriel Pires, revisado pelo grupo)
Fonte: "Anfíbios" (Jaime Bertolini, Editora Atria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário